Doc.6 – Dicas para entrevista

Doc.6 – Dicas para entrevista

Dicas para Entrevista

As perguntas mais comuns na entrevista

Depois de candidatar-se a dezenas de vagas e fazer centenas de buscas pela internet e pelos jornais, finalmente surge a oportunidade de uma entrevista. Aí bate aquele medo, aquela insegurança de “e se eu fizer alguma coisa errada e colocar tudo a perder?”. Para minimizar esse risco é preciso que você se antecipe e saiba tudo o que pode acontecer durante essa etapa do processo selectivo. Para isso, simulamos uma lista completa das perguntas – e das respostas – mais frequentes que os entrevistadores costumam fazer.
Simule a entrevista várias vezes até que você se sinta seguro para responder a todas as perguntas. Leia com atenção, treine e boa sorte!!!

1. Fale sobre você.

Essa resposta deve ser muito bem praticada. Procure ser sucinto, directo e focalize os resultados. Fale somente sobre assuntos profissionais.

2. Quais são seus objetivos a curto prazo?
Seja específico. “Quero ser gerente”,  “educadora”, por exemplo.

3. Quais são seus objetivos a longo prazo?
Fale em termos profissionais, sendo bem objectivo: Mostre também que traçou metas, pretende fazer cursos. É recomendável não se referir à vida particular.

4. O que você procura num um determinado emprego?
Desafio, envolvimento e oportunidade para contribuir para a empresa. Essa é uma das melhores respostas.

5. Você é capaz de trabalhar sob pressão e com prazos definidos?
Sim. Dê exemplos de situações vividas em trabalhos anteriores.

6. Por que devemos contratá-lo?  Como é que você poderá contribuir para o desenvolvimento e crescimento da empresa?
Conte os benefícios que você vai trazer e como pode, com seu desempenho, gerar lucros para a empresa.

7. O que você sabe sobre nossa organização? O que te atrai nela?
Para responder da melhor forma a essa pergunta, é preciso preparar-se fazendo uma pesquisa sobre a empresa. Os melhores meios de encontrar informação são no próprio site da empresa, em revistas e conversando com pessoas que trabalham e trabalharam lá.

8. Fale sobre resultados que tenha alcançado e que lhe tenham dado grande satisfação.

Liste as maiores realizações na sua carreira ou no seu emprego actual.
Escolha bem essas realizações e mencione aquelas mais recentes e condizentes com seu objectivo profissional.

9. Quais são seus pontos fortes?
Fale das características universalmente desejadas, tais como entusiasmo, persistência,  dedicação, criatividade, iniciativa (pró-actividade) responsabilidade e competência na área técnica.

10. Quais são seus pontos fracos?
Nunca mencione algo muito negativo. Responda aquilo que, na realidade, é positivo. Tal como exigente demais, impaciente, perfeccionista.

11. O que você não gostava no seu emprego anterior? Por qual motivo você saiu (ou quer sair) da empresa? Deve dizer que gostava do emprego. Jamais se queixe, não deve nunca falar mal. Não aponte defeitos do emprego anterior. Se você foi demitido conte o motivo. Se está saindo por vontade própria, fale que está em busca de novos desafios e aprendizagens.

12. Você poderia descrever alguma situação na qual seu trabalho tenha sido criticado?
Não deve reconhecer críticas ao seu trabalho, mas dizer que certas vezes ele foi discutido e com isso, você sempre aprendeu e cresceu.

13. Como avalia a empresa em que trabalha actualmente e as em que já trabalhou?
Outra vez, não se queixe. Fale algo de bom. Por exemplo, que a empresa tem um bom produto e possui potencial para crescimento.

14. Você tem espírito de liderança? Conte um facto que demonstre isso.
Responda a essa pergunta com realizações do seu passado.

15. Você contribui para o aumento das vendas, dos lucros?  Como?
Exemplifique com resultados e realizações da sua carreira.

16. Você ajudou a reduzir custos?  Como?
Exemplifique com resultados e realizações.

17. O que você considera importante num colaborador?
Cite as competências para o cargo, além de dedicação ao trabalho, boa índole, iniciativa, criatividade e entusiasmo.

18. Descreva um típico dia de trabalho no actual/ último emprego.
Essa pergunta é para conhecer seu nível de energia. Procure descrever um dia bastante activo e tente mostrar alto nível de energia.

19. Que tipo de decisões são mais difíceis para você?
Deve demonstrar sua capacidade analítica e dizer que aborda o processo decisório de forma lógica, identificando as alternativas da decisão. Como ser humano, sabe que as decisões mais difíceis são as referentes à vida dos seus subordinados.

20. O que sente dificuldade em realizar?
Não se deve mencionar nada negativo, só positivo. Diga que enfrenta as necessidades do seu trabalho e que não escolhe o tipo de trabalho.

21. O que você tem feito que mostra iniciativa? Qual o seu nível de iniciativa? Dê exemplos.
Sua resposta deverá ser uma série de realizações de sua carreira.

22. Com que tipo de pessoa você prefere trabalhar? Com que tipo de pessoa você encontra dificuldade em trabalhar?
Novamente não mencione nada de negativo. Você pode dizer que não há melhor ou pior pessoa para trabalhar. Há pessoas diferentes. Claro que sempre é bom trabalhar com pessoas bem humoradas e que gostem de lidar com pessoas. Mas diga que se adapta às necessidades do trabalho e que se relaciona facilmente, tanto com operários como com a direcção da empresa.

23. Se pudesse começar tudo de novo, o que faria diferente em sua carreira?
Deve mostrar ser uma pessoa segura, dizendo que basicamente não mudaria nada. Obviamente, existem pequenas coisas na nossa carreira que poderiam ter sido feitas melhor e deveriam ser corrigidas. Procure não mencioná-las.

24. Em qual tipo de ambiente de trabalho se sente mais confortável?
Mais vale dizer que não há ambiente ideal. Que se adapta a qualquer tipo de ambiente.

25. Por que escolheu esta carreira?  
Para essa pergunta não há resposta certa ou errada. Aqui o que vale é ser sucinto e coerente.

26. Descreva uma situação difícil que teve e como fez para sair dela.
Procure uma situação difícil e de grande relevância para o bom andamento da empresa, que você tenha solucionado.

27. Você estaria disposto a mudar de cidade, ou país? E trabalhar além do horário de trabalho?  
Fale a verdade sobre sua disposição quanto a mudar de cidade e principalmente, coloque as opções e condições para que a mudança aconteça, já que isso interfere na vida da família. Quanto ao facto de trabalhar além do horário determinado, responda de imediato: “Claro, sempre que houver necessidade”.

28. Na prática, o que é que esses cursos (faculdade, formação extra…) contribuíram para sua formação? Em que mudou?
Avalie bem e tente descobrir as contribuições e mudanças que ocorreram graças aos cursos.  De qualquer forma, diga que contribuíram não só em conhecimentos técnicos como também para o seu crescimento pessoal e no relacionamento com as pessoas.

29. Qual seria seu emprego ideal?
Tente descrever o emprego mais próximo daquele que está sendo oferecido pela empresa.

30. O que faz no seu tempo livre? Tem algum hobby?
Fale a verdade. Mas saiba que é importante ter hobbies e ocupações no seu tempo livre. Isso demonstra sua preocupação com o seu desenvolvimento pessoal, sua habilidade em administrar seu tempo e o seu bom relacionamento com as pessoas.

31. Onde  se vê daqui a cinco anos?
Mostre que já traçou um plano consistente de carreira e que sabe o que fazer para realizá-lo.

32. Qual o último livro que leu?
A pergunta subliminar é “Você tem o hábito de Leitura?”. Pode ser que as suas leituras estejam atrasadas, mas você lê constantemente jornais comuns e artigos especializados, revistas . Comente, então, os artigos mais recentes. Nunca cite “O pequeno príncipe”, dramaturgias comuns e banais; volte-se para literaturas que irão desenvolver o seu potencial profissional. Em tempo: nunca vá a uma entrevista sem ter lido o jornal do dia.

33. Você prefere trabalhar sozinho ou em equipa? Dependendo do tipo de trabalho, o profissional desenvolve seus trabalhos com maior ou menor grau de contacto com pares, superiores e subordinados. Tudo dependerá do cargo.

34. Quando você ou seus colegas estão vivendo um dia mau, o que faz para contornar a situação?

Devemos dizer a verdade. Se você utiliza algum artifício para quebrar o clima negativo e fazer com que as pessoas tirem o seu foco do que tem causado desconforto, cite-os.

35. Descreva a sua filosofia de vida.
Diga quais são os princípios que permeiam seus actos, sua vida.

36. Se você não precisasse do dinheiro, o que estaria fazendo?
Mencione quais seriam as suas actividades nesta situação, mas devem ser situações que realmente agreguem valores ao seu desenvolvimento pessoal. É importante que o candidato passe sempre uma imagem empreendedora, activa, dinâmica, de quem busca sempre crescer.

Sobre sandraconceicao

Olá, frequento o 11º ano do curso Técnico de Apoio à Infância na Escola Secundária Rafael Bordalo Pinheiro.
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s